Andreia, Portugal -> Arménia, TC

A Andreia é de Portugal e fez um Training Course na Arménia. Esta é a partilha da sua experiência!

DSC04958Barev Hayastan *

O programa Juventude em Ação, atualmente enquadrado no programa Erasmus Plus, tem proporcionado aos cidadãos europeus, desde a sua entrada em prática, no ano de 2007, a participação em ações de educação não formal, quer na Europa, quer nos restantes continentes.

Embora o projeto vise abranger a população mais jovem, algumas das ações não impõem limite de idade para os seus participantes, permitindo que haja grupos mais heterogéneos e de maior riqueza cultural, de conhecimentos e de experiências.

De 5 a 14 de Outubro de 2015, decorreu o curso de formação internacional Conflict Resolution in Intercultural Perspective, em Aghveran, uma estância de montanha na província de Kotayk, na Arménia, localizada a cerca de 40 quilómetros da capital do país, Erevan.

O curso de formação foi organizado pela ONGD arménia International Center of Intercultural Research Learning and Dialogue – ICIRLD, que tem como objetivo promover o diálogo intercultural e o entendimento entre os povos. Nesta formação fizeram-se representar 11 países: Alemanha, Arménia, Áustria, Bielorússia, Dinamarca, França, Geórgia, Itália, Moldávia, Portugal e Ucrânia, com um total de 24 participantes.

SDC14546Neste tema, bastante pertinente e atual, focaram-se tópicos importantes como política (s), refugiados, a islamofobia e a responsabilidade dos meios de comunicação na propagação da mesma, as culturas Hindu, Budista e Sufista como propagadoras da paz, liderança e os seus vários tipos, entre outros assuntos igualmente importantes. Em grupo, tivemos a oportunidade de usar o Forum Theater para improvisar uma peça, onde fosse retratada uma situação real de conflito e encontrar uma solução para o mesmo.

Ficaram, igualmente, muitos aspetos por abordar neste tema tão complexo. Entretanto, foi especialmente interessante pelo facto de ter decorrido num país que também foi vítima de uma das maiores atrocidades da História, o genocídio arménio, em 1915, levando a que muitas pessoas se tornassem refugiadas em várias partes do mundo, nomeadamente num dos países que hoje se vê também numa situação política desastrosa, a Síria. No final da viagem de Erevan para Tbilisi, na Geórgia, um homem mencionava Portugal e Calouste Gulbenkian, o arménio que legou parte da sua fortuna para a construção da conhecida fundação, em Lisboa.

Para além dos dias intensivos de partilha e aprendizagem, tivemos ainda a oportunidade de conhecer alguns aspetos da cultural local, visitar sítios históricos e conhecer o trabalho da associação que nos acolheu.

Por fim, fica a ideia principal de que para se fomentar a cultura da paz necessitamos que os valores como a tolerância, respeito e empatia andem de mãos dadas.

* Olá Arménia, em Arménio

DSC04903SDC14721

 

Advertisements

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s